23.05.2017
Saúde alerta: índice de vacinação contra a gripe está abaixo de 30%

Saúde alerta: índice de vacinação contra a gripe está abaixo de 30%

Dos 75 municípios sergipanos, os únicos que superaram a meta de 80% foram Divina Pastora e General Maynard.

Há menos de 10 dias para o encerramento da Campanha de Vacinação contra a Gripe Influenza, apenas 27% do público alvo foi vacinado. Dos 75 municípios sergipanos, os únicos que superaram a meta de 80% foram Divina Pastora e General Maynard. O primeiro já imunizou 100% da população prioritária e o segundo, 87%.

A gerente do Programa de Imunização da Secretaria de Estado da Saúde (SES), Sândala Teles, alerta para a importância da vacinação e da oportunidade de idosos, gestantes, crianças de seis meses a menores de cinco anos e puérperas se vacinarem contra a gripe. Estão incluídos, também, nos grupos prioritários, os povos indígenas, os trabalhadores da saúde e do sistema prisional, além das pessoas portadoras de doenças crônicas e outras condições clínicas especiais.

A 16ª Campanha Nacional de Vacinação contra o vírus Influenza foi deflagrada no dia 22 de abril e segue até 9 de maio. “Não será prorrogada. Então, esta é a oportunidade para o público alvo ter prioridade na imunização”, advertiu Sândala Teles.

Índices de vacinação

Aracaju é o quarto município do Estado com o menor índice de vacinação (16,6%), perdendo apenas para Nossa Senhora do Socorro (12%), Itabaianinha (9%) e Santa Luzia do Itanhy (8%).
Por outro lado, além de Divina Pastora e General Maynard, que registraram índices excelentes de vacinação, outros seis municípios sergipanos estão com mais de 60% do público alvo imunizados. São eles: Telha (75%), São Miguel do Aleixo (72%), Santana do São Francisco (71%), Indiaroba (70%), Siriri (68%) e Poço Redondo (60%).

Responsabilidade

“A vacinação é uma atividade municipal. O papel do Estado é fazer a distribuição para todos os municípios para que os estoques da vacina de 2014 estejam em plenitude em cada unidade. Todos têm que fazer sua parte: municípios conscientizando sua comunidade e famílias levando seus filhos, pais, avós para que sejam imunizados. Os municípios precisam reforçar as ações colocando carro de som, orientando as famílias que chegam até as unidades e conversando com a comunidade sobre a importância da vacinação”, falou Sândala Teles.

A gripe é uma doença infecciosa aguda causada pelo vírus Influenza, transmissível de uma pessoa para outra por via respiratória. O vírus Influenza é facilmente transmitido através de gotículas eliminadas pela tosse ou espirro. Os sintomas são semelhantes aos da gripe comum: febre alta e tosse, mas em alguns casos também podem aparecer dor de cabeça e no corpo, garganta inflamada, falta de ar, cansaço, diarreia e vômitos.

ASN

Sobre Gelmson Chagas