27.06.2017
Por maioria dos votos, professores da UFS aprovam indicativo de greve

Por maioria dos votos, professores da UFS aprovam indicativo de greve

Os presentes também votaram por não definir a data de início da greve.

Em Assembleia Geral realizada nesta terça-feira (15), os Professores da Universidade Federal de Sergipe (UFS) aprovaram o indicativo de greve.

A maioria dos docentes levantaram a mão em sinal de adesão ao movimento.

A assembleia aconteceu no auditório da Associação dos Docentes da Universidade Federal de Sergipe (ADUFS), e contou com um grande número de presentes. Os professores apresentaram suas opiniões sobre o indicativo, e em seguida foi feita a votação.

A greve por tempo indeterminado foi aprovado pelos docentes, mas foi de consenso da maioria por não definir a data de início da mesma. Segundo os dirigentes da ADUFS, essa data será anunciada após a reunião a nível nacional, que ocorrerá nos dias 26 e 27 em Brasília.

A categoria incluiu em suas reivindicações pontos antigos como a reestruturação da carreira e melhores condições de trabalho, que não foram atendidos na greve de 2012.

Por Aparecido Santana, redação Itnet.

Sobre Gelmson Chagas